Fábio Dias
09/01/2014
Garça 

Educação recomenda aos alunos da rede estadual da região de Marília cinco dicas para férias seg

Secretaria reuniu as principais orientações dos especialistas

  Secretaria reuniu as principais orientações dos especialistas; este ano os 89 mil alunos da região de Marília terão calendário escolar especial para a Copa do Mundo

As aulas na rede estadual começam no dia 27 de janeiro e muitos pais precisam trabalhar enquanto as crianças e os adolescentes estão em recesso escolar. Por isso, a Secretaria da Educação do Estado reuniu as principais orientações dos especialistas para auxiliar os responsáveis a oferecer um período de férias seguro e, ao mesmo tempo, divertido.

“A pausa é fundamental para os estudantes desenvolverem outras atividades de lazer e de entretenimento. Para o descanso ser bem aproveitado é preciso atenção. São cuidados simples na hora de brincar que evitam acidentes ou complicações. Algumas dicas também trazem diversão segura ao recesso" afirma a diretora do Centro de Planejamento e Gestão do Quadro do Magistério da Coordenadoria da Educação Básica (CGEB) da Secretaria, Eunice Turrini.

Para o ano de 2014, a Secretaria elaborou um calendário especial para o ano da Copa do Mundo no Brasil. O início das aulas foi antecipado, assim como as férias do meio do ano, que acontecem entre 12 de junho e 13 de julho período de realização dos jogos, mantendo os 200 dias letivos. Fique atento e em caso de dúvida é só procurar a escola.

 

Veja abaixo as dicas para férias seguras:

Calor e atividades físicas

As temperaturas elevadas podem ocasionar problemas de saúde em decorrência da desidratação, podendo também agravar crises respiratórias. Por isso, a equipe de Educação Física da Secretaria recomenda que em caso de brincadeiras ao ar livre os estudantes bebam água com frequência, utilizem roupas leves e evitem a exposição ao sol sem proteção.

 

Alimentação Segura
Mesmo durante as férias a equipe de nutrição da Secretaria reforça que é importante manter uma alimentação balanceada. Frutas, verduras e legumes, além dos sucos, são fontes de vitaminas e minerais. Comidas gordurosas como açucares e guloseimas devem ser evitados. Em 2013, a Secretaria iniciou a medição do peso e altura dos alunos. A ideia é fazer o perfil nutricional dos estudantes e auxiliar pais e comunidade a manter uma dieta saudável.

 

Brincadeiras Educativas
A sugestão dos educadores da rede estadual é utilizar materiais recicláveis para a construção de brinquedos caseiros, fazer experiências de química e física -sempre com segurança - além de criar bonecos de fantoche entre outras opções. O Portal da Secretaria preparou um especial chamado Faça Você Mesmo  (www.educacao.sp.gov.br) para que pais e estudantes possam conferir uma programação especial com dicas rápidas e seguras.

 

Brincadeiras Seguras
Os alunos do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º série do Ensino Médio podem ainda acessar de casa o jogo virtual e gratuito “A Aventura”, criado pela Secretaria da Educação. Esta espécie de videogame orienta aos jovens a prevenir acidentes domésticos e enchentes, além de outras situações de risco de forma lúdica e divertida. Para terem acesso, basta os estudantes digitarem o RA (Registro do Aluno) no link aqui.

 

Leitura
A leitura pode ser uma ótima companhia das férias. Para incentivar o hábito de ler entre crianças e jovens da rede, são distribuídos para cada um dos cerca de 3,5 milhões de alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, além do Ensino Médio, kits compostos por três livros. Ao levar os títulos para casa, a proposta é que o gosto pela leitura seja estendido para os familiares. Pesquisa feita pela Pasta com 1 milhão de estudantes identificou que os quadrinhos, os poemas e os contos são os estilos literários preferidos dos alunos da rede estadual.


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.