Fábio Dias
03/04/2018
Região 

Prédios de Marília são esvaziados após tremores: Garça também sentiu os efeitos

Na manhã de ontem, 2, o prédio da Prefeitura de Marília foi evacuado após novos tremores.
Anúncio

Na manhã de ontem, 2, o prédio da Prefeitura de Marília foi evacuado após novos tremores. Os funcionários públicos que trabalham no local ficaram assustados e dizem que agora a vibração foi maior do que em outras ocorrências. Os trabalhadores do paço municipal foram rapidamente retirados com ajuda da brigada de incêndio. O Corpo de Bombeiros foi acionado de imediato. Em Garça, segundo divulgado pelo jornal on line Garca.Jor.br, o tremor foi sentido no Edifício E.J Nogueira e o prédio, a exemplo do ocorrido em Marília, também foi evacuado.

Em Marília os bombeiros confirmaram que outros prédios da região central também sofreram com o mesmo problema na manhã de ontem.

Segundo o Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB), o tremor foi reflexo de um terremoto de média magnitude ocorrido na Bolívia. No Brasil, segundo o Observatório, os reflexos foram mais plenamente sentidos por volta das 10h40.
Além de Garça, há registros de que o tremor foi sentido também em Santos (SP), em Marília (SP), em Araxá (MG), em Belo Horizonte (MG), em Uberlândia (MG), no Paraná e no Rio Grande do Sul. Não há notícias de nenhum dano considerável ou qualquer ferido em qualquer das localidades que registraram o reflexo.
O terremoto na Bolívia teve epicentro no sul do país, a 13 quilômetros de uma localidade chamada Carandayti, com uma profundidade de 557 quilômetros. O jornal local "El Deber" informou que, pela força do abalo, ele foi sentido também em regiões mais ao norte do país, como Cochabamba. A região do epicentro é próxima do norte paraguaio. (Fotos Divulgação – Jornal Marília Notícias)


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.