Lucas Dias
11/01/2019
Garça 

Bosque de Garça recebe exposição itinerante de fotografias de aves

A exposição itinerante “Aves do Brasil - Região Turística Alto Cafezal” foi instalada na quarta-feira, dia 9, no Centro de Educação Ambiental do Bosque e Zoológico Municipal “Doutor Belírio Guimarães Brandão”, na Vila Williams, em Garça. A mostra conta com fotografias registradas em Garça e região, feitas pelo fotógrafo garcense, professor doutor da Unesp, Diogo de Lucca Sartori.

Anúncio

A exposição itinerante “Aves do Brasil - Região Turística Alto Cafezal” foi instalada na quarta-feira, dia 9, no Centro de Educação Ambiental do Bosque e Zoológico Municipal “Doutor Belírio Guimarães Brandão”, na Vila Williams, em Garça. A mostra conta com fotografias registradas em Garça e região, feitas pelo fotógrafo garcense, professor doutor da Unesp, Diogo de Lucca Sartori.

De acordo com a secretária municipal de Desenvolvimento de Turismo, Márcia Cristina Praxedes, a exposição faz parte de uma iniciativa para criar novas opções de atividades para os turistas que visitam a região de Garça. Ela explicou que todas as aves com fotografias expostas podem ser encontradas em cidades de nossa região, sendo um grande atrativo para os amantes da observação de pássaros.

“A observação de aves é uma atividade que estamos implantando em Garça como uma condições de potencial turístico que o município oferece, considerando que nós temos o Bosque Municipal, que é uma reserva de Mata Atlântica, que nos possibilita essa prática aqui em nossa cidade”, disse a secretária.

A bióloga Erika Buchignani afirmou que algumas aves apresentadas na exposição podem ser observadas no próprio Bosque Municipal. Ela ressaltou que é preciso um olhar apurado, com algumas técnicas, para que os pássaros possam ser encontrados e observados na natureza.

“No seminário que nós realizamos aqui em Garça no início do mês de dezembro, tivemos uma parte prática aqui no Bosque Municipal, sendo que muitas das aves que estão expostas nas fotografias, visualizamos aqui na nossa mata. É claro que existe uma técnica e também alguns horários corretos, para que esses pássaros possam ser observados”, disse a bióloga.

O expositor Diogo de Lucca Sartori é garcense, com graduação em Zootecnia pela Unesp e doutorado em Ciências pela USP, sendo que atualmente é professor na Unesp. Em todo o mês de janeiro, a exposição itinerante “Aves do Brasil - Região Turística Alto Cafezal” ficará no Bosque Municipal. Em fevereiro ela partirá para a Galeria Municipal “Edith Nogueira Santos”, no centro de Garça.

Quem quiser visitar a exposição, pode ir até o Centro de Educação Ambiental do Bosque, de terça a domingo, das 13h30 às 16h30.


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.