Lucas Dias
11/02/2019
Garça 

Educação divulga lista de alunos autorizados e não autorizados a utilizar o transporte


A Secretaria Municipal de Educação divulgou a reanálise dos pedidos que foram indeferidos para os alunos que solicitaram transporte em dezembro/2018 e nos dias 10 e 11 de janeiro último.

Anúncio


A Secretaria Municipal de Educação divulgou a reanálise dos pedidos que foram indeferidos para os alunos que solicitaram transporte em dezembro/2018 e nos dias 10 e 11 de janeiro último.

Segundo a Secretaria, os alunos que solicitaram o transporte em 31 de janeiro devem aguardar a divulgação da lista que foi finalizada na sexta-feira à noite, dia 8.

“É importante que todos entendam que a responsabilidade do transporte escolar dos alunos da rede estadual de ensino é do governo do estado, não da prefeitura. A prefeitura atenderá mais uma vez em 2019 os casos não liberados pelo Estado”, divulgou a Secretaria.

Conforme o colocado, os alunos da escolas Monsenhor Antônio Magliano, Paulo Ornellas Carvalho de Barros e do Sesi, que são custeados apenas pela Prefeitura, serão atendidos neste ano de 2019 nos mesmos critérios dos estaduais

No caso de distância menor que 1,5km, como sempre aconteceu, os casos não serão atendidos.

Se por ventura o aluno não estiver com matrícula ativa (a escola informou que o aluno não está matriculado lá), é preciso passar na escola, solicitar o atestado e levar na Secretaria de Educação para reavaliação.

Os alunos que tiveram a solicitação autorizada devem ir com um responsável até a Raptur (garagem da empresa, próxima à escola Victor Hugo) para fazer a carteirinha.

Ao divulgar a lista a Secretaria Municipal de Educação orienta que os interessados observem, caso o pedido tenha sido indeferido, qual foi o motivo.

“Se for por distância menor que 1,5km, não há como reverter, o pedido não será atendido. Se for por outro motivo, é importante verificar a orientação passada”, coloca a Secretaria.


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.