Lucas Dias
06/02/2020
Garça 

Sargento Robert Trovão recebe Título de Cidadão Garcense amanhã em sessão extraordinária

Amanhã, dia 7 de fevereiro, em Sessão Extraordinária de caráter Solene o sargento Robert Trovão Costa, que por dois anos foi Chefe da Instrução do TG 04-014 em Garça, recebe o Título de Cidadão Garcense.

Anúncio

Amanhã, dia 7 de fevereiro, em Sessão Extraordinária de caráter Solene o sargento Robert Trovão Costa, que por dois anos foi Chefe da Instrução do TG 04-014 em Garça, recebe o Título de Cidadão Garcense. No final do ano passado ele foi transferido para a cidade de Goiânia, mas o vereador Silvio Ruela indicou o seu nome para receber o título, através do Projeto de Decreto Legislativo nº 13/2019.

A expectativa é que muitos compareçam no evento, visto que o sargento, durante sua estadia em Garça, conquistou autoridades, atiradores e familiares. O projeto Soldado Mirim implantado em Garça com apoio da Associação Comercial e Industrial de Garça- ACIG, foi idealizado por ele, para acontecer em território garcense.

O sargento é natural de São Luís (Maranhão), casado com Lidiana Costa e pai de Lara Costa de Souza. Entrou nas fileiras do Exército Brasileiro em 2 de fevereiro de 1998. Antes incorporou as Forças Aéreas Brasileira em 3 de agosto de 1994.

Robert Trovão serviu nas seguintes unidades: 17.º Batalhão de Fronteira – Corumbá-MS; 50.º Batalhão de Infantaria de Selva – Imperatriz -MA; 2.ª Companhia do Comando da 10.ª Região Militar – Fortaleza - CE.

Ele é Tecnólogo em Marketing, formado em 2017 pela Faculdade Estácio de Sá. Pós graduado em Educação, Política e Sociedade, em 2019, pela Faculdade São Luís – Jaboticabal e em Gestão e Docência no Ensino Superior, também pela Faculdade São Luís – Jaboticabal, em 2018.

Ele é discente do curso superior de Gestão Pública na UNIVESP, com término previsto para dezembro de 2020.

No Exército Brasileiro, de 1994 até a presente data, atuou como Comandante de Pelotão, Comandante de Tiro de Guerra, Auxiliar de 3ª sessão, Auxiliar de 1ª Sessão e Encarregado de Material.

A frente do Tiro de Guerra 02-014, em Garça, desenvolveu o Projeto Soldado Mirim, através do qual promoveu instruções voltadas para a cidadania e resgate de crianças de vulnerabilidade social e financeira (faixa etária dos 10 a 14 anos).

 

 


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.