Fábio Dias
04/05/2021
Garça ACIG 

Comércio garcense fica aberto amanhã: repartições públicas estarão fechadas

Amanhã, cinco de maio, quando Garça comemora 92 anos de emancipação política-administrativa, as repartições públicas na cidade estarão de portas fechadas, mas o comércio garcense abrirá das 9 às 17 horas.

Amanhã, cinco de maio, quando Garça comemora 92 anos de emancipação política-administrativa, as repartições públicas na cidade estarão de portas fechadas, mas o comércio garcense abrirá das 9 às 17 horas.

“As lojas do comércio de Garça, durante toda essa semana terão um horário especial de funcionamento em razão da celebração do Dia das Mães. Amanhã é feriado na cidade, mas conseguimos, seguindo a legislação trabalhista, ficar de portas abertas. É muito importante nesse momento, que as portas fiquem abertas. Depois de tanto abre e fecha, de tanta instabilidade, não podemos ficar de portas fechadas. O Sindicato dos Comerciários de Garça e Região entendeu essa situação”, disse o vice-presidente da Associação Comercial e Industrial de Garça – Acig, Mauro José de Sá.

O vice-presidente salientou o monitoramento no que diz respeito as medidas sanitárias e o trabalho de orientação feito pela Acig, para que os lojistas não acabem incorrendo em erros.

 O gerente da Acig, Fábio Dias, lembrou que todos os comerciantes estão divulgando o horário de funcionamento do comércio nesta semana.

“Hoje, assim como ontem e na quinta-feira, dia 6, o funcionamento é das 8 às 18 horas. Amanhã ficaremos abertos das 9 às 17 horas e na sexta-feira, respeitando o toque de recolher, o horário será da 9 às 20 horas. No sábado será das 8 às 17 horas”, lembrou o gerente.

De acordo com Dias, embora ainda estejamos com medidas restritivas, amanhã será um bom momento para que o lojista alavanque suas vendas. 

“Teremos um público maior nas ruas. As repartições públicas estarão fechadas e acreditamos que muitos vão aproveitar essa folga, no meio da semana, para fazer a pesquisa de compras para o Dia das Mães. Será um bom momento para conquistar novos clientes, divulgar os produtos, fazer um merchandising”, falou ele.

 Dias lembrou ainda o Decreto Municipal e a Fase de Flexibilização do Plano São Paulo que, para evitar aglomerações, coloca em 25% a capacidade máxima de ocupação nos estabelecimentos liberados.


Comentários

Nota Importante: O Portal Garça Online abre espaço para comentários em suas matérias, mas estes comentários são de inteira responsabilidade de quem os emite, e não expressam sob nenhuma circunstância a posição/opinião oficial do Portal ou qualquer de seus responsáveis em relação aos respectivos temas abordados.